sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

2011


Aumentos na Segurança Social


As promoções de chefias e directores da Segurança Social revelam até que ponto os desmentidos governamentais podem chegar. Aliás, o mais extraordinário é tentar convencer o pagode que os promovidos até vão ganhar menos. O mais risível neste episódio é que há sempre um membro do governo disponível para este tipo de exercício, o que pode levar a acreditar que Silva Pereira está a fazer escola em Portugal.P.S. De sublinhar que as promoções ocorreram em áreas muito especiais: informática, gestão financeira, gestão de fundos e o próprio instituto que processa as pensões os subsídios de desemprego. posted by RCP at MAIS ACTUAL


de entre o ensurdecedor silêncio algumas vozes se vão levantando...

Não há vergonha na cara desta gentinha

A Segurança Social promoveu todas as chefias para compensar os cortes salariais no próximo ano. O aumento tem efeitos retroactivos ao início de 2010. As nomeações foram hoje publicadas em Diário da República e são assinadas pelo ministro das Finanças. por Tiago Carneiro no Democracia em Portugal?
A notícia escandalosa - AQUI
de entre o ensurdecedor silêncio algumas vozes se vão levantando...

O ano da viragem política?


Será 2011 o ano da viragem? Não o creio. Se por um lado os Portugueses irão começar a sentir na pele a nossa crise, por outro lado o modelo em que acreditam continua intacto. As crises valem pelos seus ensinamentos, e mal de quem com elas não aprende. E este é o maior problema que enfrentamos, o da aprendizagem. Ainda não interiorizarmos que uma mudança radical de atitude sobre a vida tem que ser adoptada.

Ao nível político o CDS continuará no intervalo entre os 8% e os 12%. 12% já significariam uma mudança, mas de expressão reduzidíssima.

O Bloco Central continua intacto, ou seja, a população continua a acreditar que a via socialista é o modelo que lhes pode trazer alguma coisa. Tudo o que implique meritocracia, liberdade individual, discriminação positiva e diferenciação, continua a não fazer parte da crença da grande maioria da população. Este é o desiderato que falta ultrapassar. Os efeitos nefastos do sistema socialista em que acreditamos e vivemos só agora começam a ser sentidos. Pagar a nossa dívida externa e interna vai demorar muitos anos e vai doer muito. Quando o sentirmos bem na pele e repararmos que a outra parte do mundo que connosco compete, e que se passou a sentar à mesa como resultado do seu sucesso e do modelo capitalista que adoptou, então aí a outra parte dos Portugueses tratará de querer mudar de atitude.

O mal de toda a bebedeira de dívida que abraçámos desde 1995, e de fundos da CEE decorrentes da adesão em 1986, é que cegou essa parte de Portugal que continua a dormir. Foram muitos anos a dormir.

A alvorada não se vai dar ainda em 2011. Em 2011 continuaremos a fechar os olhos à realidade. O mesmo faremos em 2012 e provavelmente também em 2013, apesar da intervenção do FMI já em 2011. Somente em 2014, e depois de vermos bem o que se passará em Espanha, com o consequente susto, iremos perceber que algo de muito profundo terá de mudar.

Até lá desejo que os mais destemidos e empreededores não vacilem perante a podridão de uma maioria que ainda vive noutro mundo.

Ao CDS espera-se que cumpra o seu dever. Que não ceda à tentação de ir para um governo com o PSD. A sua missão está guardada para mais tarde. Para o momento em que resolvermos mudar de atitude. Aí será convocado para governar Portugal.
Publicada por Pedro Bazaliza em
O Inimputável

Chefias promovidas com retroactivos

Em vésperas da entrada em vigor das medidas de austeridade e dos cortes de salários na Função Pública, o Governo promoveu todas as chefias de institutos públicos ligados à Segurança Social.
A promoção tem efeitos retroactivos ao início deste ano e já levantou as primeiras críticas: os TSD, Trabalhadores Sociais Democratas, acusam José Sócrates de seguir o exemplo de Carlos César.
Mas os ministérios de Teixeira dos Santos e de Helena André recusam as críticas e garantem mesmo que, apesar das promoções, os dirigentes dos institutos até vão ganhar menos.
O Ministério do Trabalho diz, por exemplo, que o director de departamento do Instituto de Informática vai ganhar menos 23.500 euros por ano.

O Governo justifica que em 2007 e 2008 estes organismos tiveram mais atribuições e agora será, lê-se no Diário da República desta quinta-feira, a ocasião propícia "para se proceder à qualificação e grau dos seus dirigentes e à adaptação da estrutura".No suplemento da portaria, no artigo 4, lê-se: "As nomeações produzem-se efeitos a 1 de janeiro de 2010".
aqui pode ler-se mais do que esta gente sem vergonha nos vai fazendo…

noticias do "paraiso"


quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Familiares podem ser criminalizados por bullying


Os familiares dos alunos podem vir a ser acusados da prática de bullying caso cometam actos de violência nas comunidades escolares a que estes pertençam. A proposta de lei do Governo para a criminalização da violência escolar prevê penas até dez anos aplicáveis aos estudantes com mais de 16 anos.
A proposta de lei tinha sido aprovada em Conselho de Ministros no final de Outubro e chegou agora à Assembleia da República, onde será discutida no início do ano, mas está já a dividir os deputados. O PS considera o diploma um "bom contributo" para combater a violência escolar.
O CDS considera que o Governo ao apresentar esta proposta vai de encontro à apresentada pelo partido em 2007, lembrando que o PS tinha votado contra a proposta, acusando o CDS de "securitarismo", refere o deputado Nuno Magalhães.
Miguel Tiago, deputado comunista, defende ainda que a criação do crime de violência escolar é redundante. "O crime de agressão não deixa de o ser pelo facto de ser cometido dentro de uma escola", exemplifica. PSD e BE reservam uma posição para os próximos dias.

Uma boa proposta que só demorou três meses a chegar à AR e vem redimir o que foi dito acerca daquela que foi derrotada em 2007...

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

o potencial perigo das aquisições chinesas


“As companhias chinesas que podem pagar compram mais e mais empresas europeias, nas quais as principais tecnologias ocupam sectores-chave. Trata-se de investimentos mas, por detrás disso, também é uma estratégia política, à qual a Europa deve responder politicamente”, declarou Antonio Tajani, numa entrevista ao diário alemão Handelsblatt.
O comissário europeu propõe, para tal, “a criação de uma autoridade” para rever os investimentos estrangeiros na Europa, como acontece com o Comité de Investimentos Estrangeiros, nos Estados Unidos.

Estas declarações de António Tajani ocorrem numa altura em que várias empresas chinesas aumentam o lote de aquisições na Europa, como a simbólica marca de automóveis Volvo.

A isto acresce o facto de a China, na passada semana, se ter posicionado como um potencial salvador para a Europa sair da crise da dívida soberana, prometendo resgatar os títulos portugueses e gregos

noticias do "paraiso"


sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Os Novos Funcionários Públicos


A notícia do “Jornal I”, a determinada altura diz
“Há uma nova classe de funcionários públicos que não pertence a ninguém. Desde o início deste mês que, ao tentarem preencher os formulários no site da ADSE para enviar os recibos com as despesas de saúde, obtêm a mesma resposta do sistema informático: "O funcionário não pertence aos serviços."

Serão cerca de 10 mil auxiliares de educação, administrativos, cozinheiros e outro pessoal não docente das escolas transferidos do Ministério da Educação para 112 autarquias. O governo quer que as câmaras passem a pagar os encargos com a ADSE; os autarcas rejeitam essa responsabilidade, acusando o outro lado de quebrar os contratos de transferência de competências a vigorar desde 2009.
É uma guerra com duas frentes, mas quem já está a perder são estes funcionários que, apesar de fazerem os seus descontos, vêem os seus recibos devolvidos pela ADSE.”
Ao ler a notícia, lembrei-me de uns
textos que transcrevi neste Blog há uns tempos atrás.
Eu não sou auxiliar de educação e por isso não me incomodo...
Eu não sou Administrativo e por isso calo-me...
Eu não sou cozinheiro e por isso não protesto...”
Eu,... tenho a secreta esperança, de que estas coisas não me venham a acontecer!
Mas, quando vierem a acontecer, vamos sentirmo-nos incomodados! Não nos vamos calar! E vamos protestar!
Nessa altura, provavelmente, já será tarde demais!
Há coisas na vida, que, ou se fazem em determinada altura, ou deixam de fazer sentido, ser necessárias ou úteis!
E, mais não digo,... porque o Natal está a chegar!
Quando me refiro ao Natal, estou a falar do verdadeiro Natal! Não estou a falar do Natal das luzinhas baças que António Costa mandou colocar na Av. da Liberdade e que eu e muitos outros pagamos, e que eram perfeitamente dispensáveis.
Quando falo do Natal, estou a referir-me ao verdadeiro Natal: A data em que celebramos e festejamos o dia em que “o Verbo se fez Homem!” (Jo. 1, 14)
Publicada por "O Arquitecto"

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Engenheiro de lata


As autarquias têm as cantinas escolares abertas nas férias de Natal para darem uma refeição quente a muitas crianças.

O Banco Alimentar contra a Fome já não tem mãos a medir para apoiar instituições que dão de comer a novos e velhos. O número de pobres não pára de aumentar e o flagelo vai agravar-se em 2011, com mais desempregados e gente que não recebe qualquer subsídio do Estado. É evidente que a rapaziada de esquerda odeia falar desta realidade. À falta de uma censura forte e eficaz, insultam quem põe o dedo na ferida e não se cala. Agora foi a vez de Cavaco Silva ser atacado pelo vendedor de ilusões e pacotes vazios a Bruxelas, o senhor que anda sempre com a boca cheia de Estado Social. Um artista, um verdadeiro engenheiro relativo feito de muita lata. por António Ribeiro Ferreira no
Correio da Manhã

notícias do paraiso


segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

profesor denunciado por hablar de jamón


Un profesor de secundaria del Instituto Menénez Tolosa, en La Línea de la Concepción (Cádiz), ha sido denunciado por la familia de un alumno musulmán por hablar de jamón en clase.
En concreto, el docente impartía clase de Geografía cuando, al hacer referencia a los distintos climas de España, comentó que el frío propio de Trévelez, en Granada, favorecía la curación del jamón.
Tras la denuncia interpuesta por la familia del menor, la Policía se personó en el Instituto para interrogar al profesor, tal y como informa hoy
el Diario de Cádiz.

El profesor, que suma dos décadas de experiencia docente y sigue ejerciendo su profesión, ha sido acusado de haber cometido un delito de maltrato de obra con motivaciones xenófobas. El Artículo 525 del Código Penal contempla penas de multa para quienes ofendan “los sentimientos de los miembros de una confesión religiosa”.

um alerta deste
blog
…esperemos que este exemplo não passe a fronteira!

mais um "submarino" pró BPN


O CDS-PP insiste na necessidade de vários intervenientes serem ouvidos.
A deputada Assunção Cristas lamentou ainda a atitude do ministro das Finanças «quando lhe são exigidas explicações».
Segundo a democrata-cristã, até agora o ministro não mostrou disponibilidade de agenda para prestar esclarecimentos, manifestando inclusive «desinteresse», o que é «lamentável do ponto de vista do relacionamento institucional»,
sobretudo quando fontes do Ministério vão dando informações sobre o assunto aos jornais.
Para além de querer ouvir vários intervenientes sobre o BPN, o CDS-PP entregou à tutela 12 perguntas, por escrito, que ainda não obtiveram resposta.

Também o BE quer discutir com Teixeira dos Santos e «com todos os outros envolvidos» se «este caminho de permanente aumento da factura com o BPN vai continuar a ser trilhado pelos responsáveis políticos do Governo».
O deputado José Gusmão justificou esta iniciativa afirmando que os bloquistas estão fartos de factos consumados e sublinhando o peso para os cofres públicos da factura do BPN.
«O ministro das Finanças tem dito sempre sobre este processo que as decisões não estão tomadas até ao momento em que estão tomadas e são irreversíveis. Queremos discutir com o ministro das Finanças qual o melhor rumo a dar à situação do BPN», referiu Gusmão.
Parece que apenas os partidos "das pontas" estão a merecer os termos eleito e o que lhes pagamos!
Onde raio é que pára o PPD/PSD/PPC?

Mas também alguém tem que explicar a este desgoverno que não é dono, é apenas gestor do dinheiro dos nossos impostos e que, se em vez contribuintes fossemos accionistas, "eles" em vez de governo fossem administradores e o Estado fosse uma empresa "à séria"- não uma eléctrica ou telefónica - há muito que teriam sido despedidos com justa causa.
Mas antes teremos que leccionar aos contribuendos aquela disciplina "fascista", a que chamávamos OPAN, onde aprendíamos para que se destinavam os impostos...

noticias do "paraiso"


domingo, 19 de dezembro de 2010

"A entrada do FMI seria um problema para os 'lobbies'..."


"Em Abril, ou Maio, houve um Conselho Europeu e o eng. Sócrates voltou, com um puxão de orelhas da Merkel, dizendo: os alemães disseram 'Portugal tem de fazer coisas!'
Nos dias seguintes foram anunciadas duas medidas.
Primeira, cortes no subsídio de emprego e no rendimento social de inserção; Depois, manutenção do TGV para o futuro.
E eu percebi... Um Governo socialista vai cortar o subsídio de desemprego e o rendimento social de inserção, mas não consegue enfrentar quem o suporta, quem lhe paga, que são as construtoras...
Esse facto despertou-me a atenção para o nível a que estes grupos instalados estão, de facto, a controlar a política
". Refere
João César das Neves ao DN e que segue com o diagnóstico:
"Esta é a quarta austeridade consecutiva!
Tivemos uma austeridade com Guterres em 2001, depois saiu.
A seguir, o Durão Barroso. O País estava de tanga, mais austeridade.
Depois, José Sócrates apareceu em 2005 com austeridade.
Esta é a segunda austeridade de Sócrates,
a quarta austeridade em dez anos!
(mas) É a mesma!
Sobre cada uma delas sempre se disse que era a última - "isto agora faz-se e resolve-se" -, mas é a mesma e nunca tivemos de facto o problema resolvido."
E avança soluções:
"Temos de fazer reformas. É preciso alterar as regras de maneira justa! E não cair mais sobre os pobres. Isso é que é difícil, claro. Ainda por cima, estamos a ser injustos. De facto, há muitos salários extraordinários, há muitas regalias, pessoas que chegaram ao topo da carreira, que já não fazem nenhum e estão a receber imenso dinheiro.
O problema a que nós chegámos tem que ver com o facto de os ministérios terem sido capturados pelos lobbies, pelos grupos que deviam regular! O Ministério da Saúde tem como problema fundamental os médicos, não os doentes. O Ministério da Educação tem como problema fundamental os professores, não os alunos! Isto é assim em todos os ministérios
!"
Assustador! Teremos um País sem futuro?

noticias do "paraiso"


sábado, 18 de dezembro de 2010

Mariano Gago critica parlamento


Mariano Gago deve estar de saida...
Vale a pena ler
AQUI

Governo e PSD falham grupo para reavaliar obras públicas

A rejeição de nomes, de parte a parte, para presidir ao grupo de trabalho acordado entre Governo e PSD para reavaliar as grandes obras públicas tem sido um obstáculo à criação da equipa, um mês e meio depois dessa condição ter sido estabelecida no acordo que permitiu viabilizar o Orçamento do Estado para 2011, apurou o Jornal PÚBLICO.
O Governo propôs para presidente do grupo João Confraria, economista e defensor das obras públicas do Governo, nome que foi recusado pelo PSD.
Foi depois proposto o bastonário da Ordem dos Engenheiros, Carlos Matias Ramos, o que também seria recusado pelos sociais-democratas, com o argumento de que se trata de um representante de uma corporação.
O PSD, por seu turno, propôs para o mesmo cargo os nomes de Freitas do Amaral (ex-ministro PS e especialista em Direito Administrativo) e de João Ferreira do Amaral, professor catedrático do ISEG. E ouviu um "não" do Governo.
O protocolo de entendimento entre Governo e PSD, assinado a 29 de Outubro, congelou os novos contratos de parcerias público-privados e determinou a reavaliação das grandes obras "ainda não iniciadas ou na fase inicial de construção". Uma análise que exigia "celeridade".
Comentários para quê?

como ele gostava de se chamar Chávez

A lei que autoriza o presidente da República a editar decretos é adoptada”, disse a presidente do Parlamento, Cilia Flores, perante os aplausos dos deputados fiéis a Chávez, duas semanas antes do regresso da oposição ao Parlamento, após a votação que concede poderes excepcionais ao Presidente venezuelano, por 18 meses.
"Duas dezenas de leis estão quase prontas", declarou ontem à noite presidente da república venuzuelana.

"percebi-te" !


passeava à toa pela blogosfera quando num blog (próximo deste ainda governo) descobri esta bela fotografia destes dois artistas nacionais.
de imediato me saltou para estas linhas a expressão célebre de Vasco Santana: PERCEBI-TE!
em consonância rara com o Câmara Corporativa não resisti á cópia...
(reparem que o actor tem hoje muito mais cabelo e a acompanhante menos rugas...)

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

o Portugal do Futuro?


Um estudo feito pela Organização Mundial de Saúde, em 44 países, mostra uma evolução comportamental positiva no estilo de vida dos jovens portugueses, excepto no consumo de drogas que aumentou ligeiramente entre os adolescentes e jovens portugueses dos 6.º, 8.º e 10.º anos.
De acordo com o estudo feito pela OMS, os jovens portugueses até aos 16 anos fumam menos, a maioria teve a primeira relação sexual aos 16 anos, sendo que a maioria usa a pílula e o preservativo como métodos contraceptivos, sendo que os mais novos têm mais comportamentos de risco.

Em casa, estão à frente da televisão ou do computador e, talvez por isso, praticam menos exercício físico, e seis em cada dez jovens não saem à noite com amigos.
No entanto, o consumo de álcool mantém-se estável e o de drogas piora, o consumo de heroína mantém-se estável enquanto todas as outras drogas registam um ligeiro aumento.
Este estudo é realizado pela OMS, de quatro em quatro anos, em vários países da Europa e América do Norte. in Portuguese News Network

noticias do "paraiso"


quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

uma grande noite no Coliseu!

video

a Alemanha não dita leis a ninguém


Angela Merkel, refutou hoje acusações de que a Alemanha pretende mandar na União Europeia, em declarações ao Bild, no dia em que começa, em Bruxelas, mais um cimeira para debater a crise da moeda única.
«A Alemanha não dita leis a ninguém», afirmou.

POIS!

noticias do "paraiso"


segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

condenada à morte por "blasfêmia"...


A cristã Asia Bibi, de 45 anos, mãe de quatro filhos, é a mais recente vítima da abominável lei da blasfémia que se converteu na mais draconiana do mundo islâmico, ao castigar com pena de morte insultos contra Maomé.

Qualquer denúncia de blasfémia significa prisão imediata até a data do julgamento, que no caso de Asia Bibi demorou um ano e meio.

Ainda que qualquer paquistanês seja susceptível de ser perseguido, até agora 50% das denúncias recaíram em minorias religiosas (4% da população). Em primeiro lugar, os ahmadis, seguidos muito de perto pelos cristãos. Ler o artigo completo aqui

aposto que se fosse "ao contrário" muita gente estaria, frente à embaixada do Paquistão, a fazer uma das tais manifs que dão os 15 minutos de fama da TV...

Instrumentos musicais para Moçambique


A Fundação Calouste Gulbenkian esteve aberta para receber instrumentos musicais destinados às crianças e jovens de Moçambique. Foi a primeira vez que a instituição participou nesta iniciativa da organização Music Fund, com sede na Bélgica. A recolha de instrumentos já existe desde 2005, tendo como destino a República Democrática do Congo e o Médio Oriente, estando previstas, além de Moçambique, acções para Marrocos e Haiti. Depois de registados, os instrumentos são recuperados, caso seja necessário, e os doadores podem acompanhar pela Internet a viagem entre Lisboa e Moçambique.

Com a campanha "Música por uma Causa", a fundação Gulbenkian conseguiu recolher 386 instrumentos musicais para entregar a Moçambique e outros países carenciados.
A organização mundial do evento afirma que Portugal foi o país mais solidário de todos, com o "maior de sempre" de instrumentos recolhidos, apesar de em Madrid, ter sido atingido um número recorde de 400 instrumentos, mas em 2 dias de recolha…
Esperemos que a dádiva chegue a “bom porto” e não encalhe, como outras, na burocracia aduaneira moçambicana.

noticias do "paraiso"


domingo, 12 de dezembro de 2010

Fêmeas que se reproduzem com vários machos


"A ideia de que existe um macho ideal que as fêmeas procuram deixou de existir. Há vários e as fêmeas têm um papel vital... "
A conclusão é de um estudo de Miguel Barbosa, um cientista português baseado na Escócia, realizado com peixes tropicais de água doce «guppy» que muda a perspectiva científica sobre o papel do comportamento sexual das fêmeas na evolução.
O cientista concluiu também que «os resultados destroem o mito da fêmea submissa, que deixa de ser um veículo passivo e passa a ser crucial para o sucesso da sua própria reprodução e tem de ser considerada uma força relevante quando se estudam os processos evolutivos».
Os resultados obtidos podem ser extrapolados para outras espécies, inclusivamente para mamíferos e para os seres humanos, afirma ainda Miguel Barbosa.

Ora bem, vocês, que fazem partem do número cada vez mais restrito de homens heterosexuais, preparem-se... a vida vai-vos ser dura!

Campanha Presidencial do candidato Alegre

1. Alegre acusa Cavaco de fugir aos debates
2.
Alegre contra os regimes de excepção
3.
Alegre diz que Cavaco cometeu um lapso
4. Alegre contesta destino da última bandeira em Macau
5.
Alegre afirma que autonomia de Portugal “está em risco”
6.
Alegre pede mobilização para “forçar” segunda volta
7.
Alegre quer presidenciais na agenda política
8.
Alegre apela aos jovens: “Rebelem-se!”
9.
Alegre elogia Sócrates por afastar o FMI

bolas! ao menos uma, basta-me uma, ideia nova e diferente!
Foi a inovação e a diferença que lhe deram milhares de votos vai para 5 anos.

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

noticias do "paraiso"


São Quatro, senhor candidato! Não são?

Manuel Alegre garantiu hoje a alunos e professores da Universidade da Beira Interior, ser melhor candidato a Presidente da República que Cavaco Silva, porque sabe "quantos cantos tem Os Lusíadas". expresso

Ora que novidade: mas Cavaco não andou nas Novas Oportunidades!
Onde anda o Manuel Alegre em que votei vai para 5 anos? Este deve ser um "clone"!

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

depois de Timor... o Brasil


O ministro das Finanças, confirmou durante a visita a Brasília, que o governo brasileiro poderá ajudar Portugal por meio da compra de títulos da dívida pública portuguesa.
Teixeira dos Santos admitiu que não chegou a discutir com o Ministro Brasileiro os valores para uma eventual operação desta natureza e Guido Mantega escusou-se a fazer qualquer comentário sobre a reunião que tiveram.
JN

noticias do "paraiso"


quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Não se percebe


Como é que Assange cometeu o erro capital de ter feito estas revelações quando na Casa Branca não está um republicano. Igual erro de palmatória cometeram os controladores aéreos espanhóis quando avançaram para a greve quando na Moncloa não estava o PP. Estas criaturas não lêem? Não ouvem? Não vêem? Não sabem que estas coisas só se fazem quando a esquerda dita democrática, romântica, sonhadora, boazinha, cheia de causas e de padres está na oposição? Tanta distração e ingenuidade tinham de ter um castigo: Assange está detido por umas acusações mal engendradas e os controladores aéreos espanhóis andam agora a apurar se se lhes aplica o código de justiça militar! por helenafmatos no BLASFÉMIAS
notável!

Crise? Qual crise?


Entre 29 de Novembro e 5 de Dezembro, houve nove milhões de levantamentos, num valor total de 598 milhões de euros, mais cinco milhões do que no mesmo período do ano passado.
O valor médio levantado também subiu, passando de 69 para 70 euros.
No mesmo período, foram efectuadas 16 milhões de compras nos terminais de pagamento automático, alcançando um valor global de 673 milhões de euros, o que significa um acréscimo de 30 milhões de euros face a igual período de 2009.
Porém, o valor médio das compras desceu um euro, de 43 para 42 euros.

Os dados são da SIBS que rege as ATM's e nem merecem comentários...
em Janeiro se verá!

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Tornado faz 40 feridos em Tomar e Ferreira do Zêzere


O tornado que na terça-feira à tarde passou por Tomar e Ferreira do Zêzere provocou 40 feridos, sendo 19 deles crianças. Este é o último balanço feito pelo Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém.
Em "cada um dos concelhos terão ficado destruídas à volta de uma centena de casas", entre elas, o jardim-escola São João de Deus, em Tomar, cujo desabamento do tecto provocou ligeiros em 18 crianças e graves numa outra. Nesta cidade ficaram ainda feridos 17 adultos, um deles em estado grave.
Em Ferreira do Zêzere foram registados ferimentos ligeiros em quatro adultos além de vários danos materiais.
"Pelas 14.30 começou a levantar-se vento muito forte nos conselhos de Tomar e Ferreira do Zêzere. Só em Tomar ficaram destelhadas cerca de 100 casas. Um dos edifícios foi o Jardim-escola São João de Deus, onde ficaram feridas cerca de 20 crianças. Em Ferreira do Zêzere registaram-se para já quatro feridos", disse ao DN online Rui Natário, 2.º comandante do CDOS de Santarém.

EXCEPCIONALISMO SOCIALISTA


«Mesmo depois da aprovação geral dos famigerados «cortes salariais», o Governo e o maior partido da oposição apressaram-se a abrir a caixa de pandora com excepções à regra:
para os altos funcionários que auferem simultâneamente vencimentos e reformas douradas;
para os funcionários, directores e administradores da CGD;
para os funcionários da Assembleia da República (!!!);
para as empresas públicas e municipalizadas;
para os diplomatasPublicada por joshua em
PALAVROSSAVRVS REX
claro que os destaque e sublinhados são meus!

Quem paga ganha...


...
José Lello, deputado do PS, Presidente do Conselho Administrativo da Assembleia da República, ex-Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas e ex-Secretário de Estado do Desporto, após a decisão da FIFA, deu aos jornalistas a sua abalizada opinião:"A Rússia ganhou na FIFA. Quem paga ganha! Qatar ganhou na FIFA. Quem paga ganha."
Não ponho em causa a opinião abalizada de José Lello pois, na função de Presidente do Conselho Administrativo da AR lá sabe a quem pagar para ganhar.
Publicada por Lobo da Gardunha em
O ANDARILHO

Cara Prof. Manuela, mais um, dos outros, a citar-te!
Sei que alguns, dos teus, já te pediram desculpa por terem votado no "mais bonito" e, muitos outros, agoram esperam que a "democracia fique parada... mais de seis meses", para, de baraço ao pescoço, te mostrarem um crocodilico arrependimento!
...mas cuidado, "eles" são especialistas em "rasteira"!



noticias do "paraiso"


segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

as Novas Tecnologias aplicadas ao roubo...

Constâncio revisitado


O lugar de governador de um Banco Central é um lugar fundamentalmente técnico e institucional.
Não político. Por isso, um certo exercício recordatório de teses substantivas que se exprimam no exercício dessas relevantes funções é, também, um adequado escrutínio do seu valor, oportunidade e coerência.
Em 16 de Maio de 2008, o então Governador do Banco de Portugal, Vítor Constâncio deu uma entrevista ao Financial Times. Um jornal de excelência, respeitável e respeitado. Uma entrevista, por certo, bem pensada e articulada. Transcrevem-se, em seguida, algumas das suas principais afirmações:
"A divergência (das economias) dentro dos quinze países da união monetária europeia reflecte um normal processo de ajustamento e não constitui um problema para as políticas da zona euro".
"Não acredito que venha a haver uma recessão na Europa".
"Os ciclos económicos têm-se tornado mais sincronizados e as diferenças nas taxas de crescimento foram menos agudas do que entre regiões dos Estados Unidos. Por isso, não são um problema para a zona euro vista como um todo".
"Não devemos enfatizar em excesso a situação das contas públicas dentro de uma união monetária porque há fases de ajustamento e há mecanismos de auto-correcção. Ninguém se preocupa demasiado acerca do défice do Mississípi".
"Tenho a ideia de que os processos de ajustamento não serão tão significativos e dramáticos como algumas pessoas pensam".
...
Estas visionárias e premonitórias declarações valem por si. Depois de um percurso que cada qual julgará quanto à supervisão financeira e de um não despiciendo cacharolete de obséquios governamentais e de rábulas orçamentais, o então incensado Governador deve ter tido, com aquela entrevista ao FT, o definitivo passaporte para Vice-presidente do Banco Central Europeu. Com o pelouro da supervisão.
Assim vai a União Europeia. Assim foi Vítor Constâncio.
por António Bagão Félix no Económico

O brilharete do 16º lugar (em 19)


Há meio século, numa das suas visitas às Nações Unidas, o então líder soviético, Khrushchev, desafiou o presidente dos EUA, John Kennedy, para uma corrida de 100 metros. Naturalmente que Kennedy venceu aquela corrida a dois, o que não impediu o Pravda do dia seguinte de escrever: “Khrushchev com brilhante segundo lugar numa corrida em que Kennedy foi penúltimo”.

Lembrei-me desta velha anedota ao ler (e ouvir) as notícias sobre a avaliação do Financial Times a 19 ministros das Finanças da União Europeia. Para uns, Teixeira dos Santos estava a subir na classificação, para outros estava entre os melhores. Tudo para alegria dos abrantes. Vá lá que, desta vez, o Público soube ir ler à fonte e titulou como devia titular: Teixeira dos Santos relegado quase para o final do “ranking” do “Financial Times”.

Ou seja, temos os Pravda que merecemos. Por jmf1957 em o « BLASFÉMIAS

noticias do "paraiso"


domingo, 5 de dezembro de 2010

Tirou-nos um bem precioso: o tempo


Ninguém imaginava há alguns anos atrás que o actual primeiro-ministro chegaria onde chegou. Homem de percurso académico e profissional dúbio e errante, quiseram as circunstâncias políticas (e a cegueira do povo) que alcançasse o poder.
Vislumbrando-se agora o fim da sua era política, e perante o desastre económico e social, coloca-se a questão: o que perdeu Portugal? Para além de muitas coisas, o país perdeu acima de tudo tempo (5 anos). Tal como referiu Séneca, o tempo é o maior tesouro que a natureza fiou aos homens. Mais que o dinheiro, a perda do tempo perde-se com perdição maior, porque o dinheiro que se perde com uma mão pode-se recuperar com a outra; porém, o tempo uma vez perdido não se pode restaurar.
Considerando a subida meteórica ao poder de Sócrates, e citando o Padre António Vieira, resta-nos uma esperança: “As coisas que depressa nascem, depressa acabam”.
Publicada por
O Inimputável
um post bom para o meu ego... não estou sozinho!

noticias do "paraiso"


sábado, 4 de dezembro de 2010

a Aliança Democrática 30 anos depois...


Pela primeira vez, os institutos Francisco Sá Carneiro e Amaro da Costa organizaram em conjunto uma cerimónia de homenagem aos dois antigos governantes da Aliança Democrática (AD) e dirigentes partidários, na qual estarão presentes os presidentes do PSD, Pedro Passos Coelho, e do CDS-PP, Paulo Portas.
PSD e CDS-PP juntam-se hoje numa cerimónia inédita de homenagem a Francisco Sá Carneiro e Adelino Amaro da Costa, quando se assinalam os 30 anos da sua morte, na queda de um avião sobre Camarate
A seguir, os presidentes do PSD e do CDS-PP assistirão a uma sessão de homenagem a Sá Carneiro e Amaro da Costa, na Universidade Católica de Lisboa, às 19h horas, na qual será exibido um vídeo produzido pelos dois institutos, intitulado «Se o avião tivesse chegado ao Porto».
sol